top of page

Animais de Poder.

Atualizado: 26 de jul. de 2022


Por Luiz Fernando Reis

Médium, Terapeuta holístico e Escritor


O animal de poder pode ser compreendido como uma manifestação de forças interiores, uma energia ligada com o nosso consciente. São forças ancestrais que nos ajudam a despertar dons e virtudes que habitam a nossa psique instintiva, auxiliando-nos no encontro da nossa divina natureza.

Os animais de poder aparecem como uma maneira de legitimar as situações que você vive, neste momento, pode lhe ajudar a enfrentar dificuldades e a identificar soluções para os seus problemas. Simboliza a passagem espiritual que você precisa defrontar rumo a sua evolução.

Ainda existem outros animais que também fazem parte, assim como:

O animal negro: simboliza sua luta contra as sombras, inclusive a sua própria sombra;

O animal dourado: representa a sabedoria ancestral;

O animal alado: lhe acompanha pelo seu caminho espiritual.

Como podemos descobrir nosso animal de poder?

Através de vivências xamânicas e meditações guiadas com tambores, onde é possível acessar uma força ancestral para que a presença desse ser venha ao nosso conhecimento.

Descobrir e se conectar ao animal de poder, segundo o Xamanismo, faz com que as pessoas melhorem seu poder pessoal, seus poderes psíquicos e sua autoconfiança.

É imprescindível consultar um xamã, que vai facilitar o encontro da pessoa com o seu totem animal.

Xamã é uma palavra que possivelmente tem origem no sânscrito e significa “inspirado pelos espíritos”, ele é um sacerdote de uma tribo, conhecedor de plantas, de pedras e de seres da natureza, através da qual tem acesso à sabedoria divina.

Ele é o líder da prática do xamanismo, o qual mediante treinamento e vocação tem seu reconhecimento como sacerdote pelas pessoas da sociedade tribal em que está inserido.


Respeitadas as previsões legais com base na LGPD e direitos da propriedade intelectual informamos que o texto do colaborador não representa a opinião da Instituição.

49 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page