top of page

A Épica Saga de Ísis e Osíris.


Por Michel D’ Alberti

Terapeuta Holístico, Espiritualista, Estudante das tradições espiritualistas e Missionário da Era Branca.


A mitologia egípcia, é rica em simbolismo e narrativas fascinantes, é um reflexo profundo das crenças, valores e visões de mundo do antigo Egito. Um dos mitos mais marcantes e significativos dessa tradição é a história de Ísis e Osíris, um conto que transcende os séculos e desvenda os mistérios da vida, morte e renascimento.

No cerne da mitologia egípcia encontra-se um panteão diversificado de deuses e deusas, cada um com suas características únicas e papéis específicos. Essas divindades personificavam elementos naturais, forças cósmicas e aspectos da vida humana. Acreditava-se que esses deuses influenciavam diretamente o mundo dos mortais e tinham um impacto crucial em eventos cotidianos e eventos cósmicos.

No epicentro da mitologia egípcia, encontra-se a comovente história de Ísis e Osíris, um mito que encapsula o ciclo ininterrupto da vida, morte e renascimento. Osíris, o deus da vida após a morte e da regeneração, foi traído e assassinado por seu irmão Set, o deus do caos e da desordem. Seu corpo foi desmembrado e espalhado pelo Egito.

Ísis, sua irmã e esposa, empreendeu uma busca heroica para reunir os pedaços de Osíris, guiada pelo amor e determinação inabalável. Com sua magia e cuidado, Ísis restaurou temporariamente a vida de Osíris, concebendo assim Hórus, que viria a se tornar um dos deuses mais importantes do panteão egípcio.

A história de Ísis e Osíris transcende o simples enredo. Ela simboliza temas universais como amor, sacrifício, traição e ressurreição. A morte e renascimento de Osíris espelham os ciclos naturais, como as cheias do rio Nilo, que traziam vida à terra fértil do Egito. Além disso, a luta de Ísis para restaurar Osíris espelha a busca eterna da humanidade pela justiça, equilíbrio e redenção.

O mito de Ísis e Osíris não só moldou a religião egípcia, mas também permeou a arte, a arquitetura e as tradições culturais do antigo Egito. Sua influência se estendeu para além das fronteiras egípcias, inspirando outras culturas e tradições ao longo da história.

Hoje, a história de Ísis e Osíris ainda ecoa na nossa compreensão das profundezas da experiência humana. Ela nos lembra da importância do equilíbrio, da justiça e da esperança, além de nos ensinar sobre a crença na continuidade da vida após a morte.

Em última análise, a saga de Ísis e Osíris é uma janela para a rica espiritualidade e a complexidade do pensamento egípcio antigo, oferecendo-nos uma oportunidade única de mergulhar nas profundezas de uma cultura que moldou a história e continua a influenciar o nosso mundo até os dias de hoje.


Namaste.

Respeitadas as previsões legais com base na LGPD e direitos da propriedade intelectual informamos que o texto do colaborador não representa a opinião da Instituição.


75 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentarios


bottom of page